aeluisdetaide

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Dia Mundial Sem Fumo

Painel comemorativo do Dia Mundial sem Fumo

Os alunos do 8º ano e da turma A do 7º ano de escolaridade, participaram no concurso “FUMAR É UMA DROGA” promovido pela Liga Portuguesa contra o cancro, concorrendo com um painel comemorativo do “Dia Mundial sem Fumo”. Esta actividade foi realizada em articulação com as disciplinas de Ciências Naturais e Educação Visual 3ºciclo. O professor de Ciências Naturais apresentou o concurso às turmas e fez uma sensibilização sobre o tema do tabagismo. Na disciplina de Educação Visual os alunos aplicaram alguns conteúdos abordados na disciplina como o lettering, a linha  e a ilusão de ótica, para a construção do painel. Todos os alunos, cerca de 90, realizam um módulo quadrangular, resultante num padrão colectivo onde se pode  ler uma mensagem de sensibilização para os perigos e malefícios do tabaco.


CONCURSO NACIONAL DE LEITURA - 2ª FASE DISTRITAL

Mais um ano no pódio: um brilhante 3º lugar!

O Plano Nacional de Leitura (PNL) em parceria com a Direção-Geral do Livro e das Bibliotecas (DGLAB) e com a Rede de Bibliotecas Escolares, e em articulação com a RTP, continua a promover, no ano letivo 2015/2016 a 10ª Edição do Concurso Nacional de Leitura [CNL]. A nossa escola, à semelhança de anos anteriores, associa-se a esta iniciativa de modo a promover o gosto pela leitura entre os jovens, o conhecimento de autores de diversas gerações e de diferentes estilos literários, possibilitando aos alunos a participação num encontro que pretende ser uma grande festa do livro e de convívio salutar entre todos em torno da leitura.

O CNL decorre ao longo de 3 Fases consecutivas: 1ª Fase – Escolas | 2º Fase – Distrital |3ª Fase – Final Nacional.

No dia 13 de Abril, decorreu a 2ª Fase - Distrital do CNL, constituindo um desafio às competências de expressão escrita e oral dos alunos do 3º ciclo básico e ensino secundário.

Quanto ao 3º ciclo, as obras a concurso lidas pelas nossas alunas apuradas na 1ª Fase a nível de escola, estas  intitulam-se História de um caracol que descobriu a importância da lentidão de Luís Spúlveda e os contos “Três personagens transviadas” e “Famílias desavindas” da obra Contos Vagabundos de Mário de Carvalho.

Assim, as alunas Celina Fidalgo (7ºA), Cecília Ferreira (8ºA) e Maria Almeida (9ºC) representaram a nossa escola nesta fase que decorreu no Museu de Leiria e fizeram-no de forma brilhante e empenhada, dando voz ao talento, à dramatização e ao gosto pela leitura!

Após a realização das Provas Escritas ficaram apurados apenas cinco alunos, de entre as inúmeras escolas do distrito de Leiria aí representadas. Uma dessas alunas foi a Cecília Ferreira do 8ºA, cuja prestação na Prova Oral de Leitura e Dramatização, impressionou todos os presentes e deixou a nossa escola muito orgulhosa com a obtenção de um fantástico 3º lugar!

Parabéns, Cecília, pelo talento, dedicação, empenho e gosto pela leitura!

Um brilhante 3º Lugar!

Palmo E Meio de Leitura 2016

Visita de Estudo - Jardim Zoológico - 2016

Realizou-se no dia 18 de maio, uma visita de estudo ao Jardim Zoológico de Lisboa, que contou com a participação de 65 alunos de todas as turmas do 5º ano da nossa escola, numa atividade interdisciplinar envolvendo as disciplinas de ciências naturais, inglês, matemática, português e história e geografia de Portugal.

O programa incluiu durante a manhã, dois programas educativos - “Adaptações e Comportamentos”: a biodiversidade foi dada a conhecer através das centenas de espécies existentes no ZOO e “Oficina na Rota dos Descobrimentos”: a história do Jardim Zoológico relacionada com a História de Portugal. Será que com os Descobrimentos aumentámos os nossos conhecimentos sobre a Biodiversidade? Após o almoço, miúdos e graúdos deliciaram-se com a exibição “Baía dos Golfinhos”. Enquanto alguns terminavam o gelado, foram realizando a atividade – “PeddySpecies”. As disciplinas intervenientes organizaram um guião que foi preenchido pelos alunos ao longo do percurso que realizaram. A “visita” só terminará depois da avaliação do trabalho realizado na Visita de Estudo nas aulas das disciplinas envolvidas. Ao longo de todo o dia, os alunos captaram imagens que posteriormente serão submetidas a uma seleção para o concurso “ZooMe” - A melhor fotografia do ZOO.

Foi um dia cheio de trabalho que teve início durante a ida para Lisboa, “estimando em matemática” alguns conhecimentos sobre a fauna mundial. Terminou com a avaliação da visita no regresso a casa. As fotos revelam a alegria e o bom ambiente durante todo o dia.

 

 

Ateliers com Professor Nuno Franco

No segundo período, entre 22 de Fevereiro e 11 de Março de 2016, a equipa da Biblioteca Escolar, em parceria com o professor e artista plástico Nuno Franco, desenvolveu uma proposta de aprendizagem e de experimentação artística, através da realização de ateliers, de Cinema de Animação, de Pintura e de Escultura, englobados no projeto “Mar Português”, junto das Escolas do Ensino Básico do 1º Ciclo e dos Jardins de Infância do Agrupamento.

A ação realizada abrangeu quinze turmas do primeiro ciclo e sete grupos de crianças do pré-escolar, num total de cerca de 400 alunos/crianças, que participaram nos vários ateliers dinamizados pelo Nuno Franco: VAMOS FAZER MARES ANIMADOS?; PEQUENOS ESCULTORES, DO MAR VÊM HISTÓRIAS, DE LÁ TANTAS CORES!; SE PINTAR COM MAR, QUE HISTÓRIAS VOU IMAGINAR?.

O Atelier “Vamos Fazer Mares Animados?” foi desenvolvido nos vários estabelecimentos de ensino, (Prageira, Filtro, Alemão e Escola Velha), com as turmas do 1º ao 4º ano. Em cada turma foi feita a abordagem do tema, “Cinema de Animação”, através de uma breve explicação acerca do processo e da técnica de animação tradicional, desenho à mão e do visionamento do filme Encontro, realizado pelo Nuno Franco, baseado na Lenda de Peniche “Os Passos de D. Leonor”.

A atividade incluiu também uma parte prática, tendo cada aluno realizado doze desenhos inspirados no Mar, com os materiais riscadores à escolha, (lápis de pastel seco, de óleo, de cera, de cor, de carvão e marcadores), sobre papel, (folhas brancas A4) e aplicado a técnica adquirida. Estes trabalhos irão ser utilizados na produção de uma curta-metragem coletiva.

Ver documento completo com todas as atividades desenvolvidas pelo Professor Nuno Franco - aqui.

Pontapés na Gramática

Português - Articulação entre 2º e 3º Ciclos

Os alunos do 7ºA deram uma aula de Português aos do 5º A e 6º C

Partilhando experiências, aprendemos mais e melhor!

Partilhando experiências, aprendemos mais e melhor! Por essa razão, nos dias 21 e 28 de abril de 2015, decorreu no espaço da biblioteca da nossa escola uma atividade da disciplina de Português que promoveu a articulação e a troca de saberes entre alunos do 2º e 3º Ciclos, no que diz respeito ao domínio da Gramática. Deste modo, as docentes de Português do 2º e 3º ciclos, Ana Vala, Ana Alves, Paula Santos e Elisabete Esteves, organizaram esta dinâmica envolvendo as turmas do 5ºA, 6ºC e 7ºA, no âmbito do Clube de Leitura – Projeto TEIP 3.

Esta estratégia foi o culminar de um trabalho conjunto de preparação de materiais e implementação de diferentes estratégias potenciadoras de uma melhoria das aprendizagens, envolvendo os discentes de uma forma mais autónoma, prática e motivadora.

Neste sentido e mediante proposta dos alunos do 7ºA, estes lecionaram uma aula aos alunos das turmas do 5ºA e 6º C, sob a supervisão das respetivas docentes, apresentando-lhes um conteúdo gramatical comum aos dois ciclos, a saber as “Funções sintáticas”. Após a apresentação de um PowerPoint realizado pelos discentes e da realização de exercícios interativos, os alunos do 2º ciclo foram convidados a participar numa sessão do Concurso de Gramática “Dar pontapés na gramática”, apurando-se os três alunos com os melhores resultados. Este concurso tem sido implementado e dinamizado nas turmas do 7º ano da docente Paula Santos, ao longo do presente ano letivo, denotando uma forte adesão por parte dos discentes das turmas A, B, C e D. A final deste concurso realizar-se-á entre as turmas do 7º ano, na biblioteca, no dia 11 de maio, premiando os melhores alunos nos níveis Intermédio e Difícil. É de salientar ainda que esta atividade contempla um dos Domínios nos quais os alunos do 2º e 3º ciclos têm manifestado maiores lacunas, isto é, o Domínio da Gramática. Trata-se, portanto, de uma estratégia que visa uma melhoria dos resultados dos discentes do 2º e 3º ciclos nesta área.

É de salientar o trabalho desenvolvido, o empenho, a dedicação e a postura dos alunos da turma do 7º A durante as aulas lecionadas aos alunos do 2º ciclo. Para além disso, no espaço da biblioteca e em parceria com a Equipa da BE, organizaram e planificaram estas aulas, preparando todo um conjunto variado de materiais, sob a orientação das docentes Paula Santos e Elisabete Esteves.

É de destacar ainda a postura dos alunos das restantes turmas envolvidas, o 5ºA e 6º C, que, durante essas aulas, se mostraram bastante participativos e motivados na realização das atividades propostas, consolidando as suas aprendizagens mediante os esclarecimentos dos colegas e a partilha de conhecimentos!


1ª Edição do Jogo do Diamante - 2015/2016

Realizou-se no passado dia 29 de abril a fase final do “Jogo do Diamante”, depois de efetuadas as eliminatórias em todas as turmas do 2º ciclo, envolvendo todos os alunos.


Chegaram à final os alunos: 5ºA- Guilherme Real e Mateus Simões; 5ºB- Martim Cascão e Sara Serrão; 5ºC - Anita Leitão e Inês Ferreira; 5ºD - Leonor Gabriel e Miriam Silva; 6ºA- André Ramos e Bernardo Ferreira; 6ºB - Gonçalo Silva e João Rico; 6ºC - Santiago Batista e 6ºD - João Pata.

Perante uma plateia ansiosa de encarregados de educação e familiares, os “guerreiros” mostraram um grande domínio, quer na concentração, quer no cálculo mental.

Parabéns a todos e muito obrigado aos seus acompanhantes!

Mas como de uma final se tratou, também devemos congratular os vencedores:
1º lugar - João Rico (6ºB); 2º lugar - Guilherme Real (5ºA); 3º lugar - André Ramos.

Destacamos os vinte diamantes mais rápidos conseguidos pelo aluno André Ramos num tempo extraordinário de 3 minutos e 14 segundos.

A matemática vai continuar no próximo ano. Esperamos voltar a contar com todos.

A direção agradece toda a colaboração e envolvimento de todos. Um agradecimento especial aos Professores João Neves e Luis Cabreira.

O que os olhos veem, ou... ilusão!?

No dia 20 de abril de 2016, os alunos do 8º ano e do 1º ano do Curso Vocacional de Cozinha, Pastelaria e Panificação participaram numa visita de estudo à nossa capital, Lisboa, no âmbito das disciplinas de Físico-química e Português.

Ao chegar, dirigiram-se ao Museu da História Natural e da Ciência, situado na antiga Escola Politécnica, onde alunos e professores puderam realizar atividades interativas, submetendo à experiência  os seus saberes da área da física e da química. Ainda aí, visitaram também o antigo Laboratório e Amphiteatro de Chimica, jóia histórica e científica da Universidade de Lisboa, da cidade e do país, possivelmente, o único sobrevivente dos grandes laboratórios de ensino e de investigação das universidades europeias. Sabem que do calor se faz gelo? Pois é...

Após “repasto” no Jardim de Santos, entrou-se no reino do faz de conta, no auditório da companhia de teatro O Sonho, onde se assistiu à peça Aquilo que os olhos veem ou o Adamastor, de Manuel António Pina, obra literária a estudar no 8º ano. Trata-se de um texto dramático sobre a passagem das caravelas portuguesas pelo Cabo Tormentório e o encontro lendário com o gigante Adamastor (real ou ilusório?), criado por Camões, em Os Lusíadas, procurando-se, também, retratar a vida a bordo das caravelas, durante os Descobrimentos. A história é contada, em finais do primeiro quartel do século XVI, pelo físico e astrólogo Mestre João que regressa a Portugal depois de muitos anos no Oriente. No final, e como de costume nesta companhia, os alunos tiveram a possibilidade de tirar fotografias com os sempre disponíveis e simpáticos atores.

Propósito cumprido, foi momento de se regressar à Escola, decerto mais ricos de experiência e de sabedoria! Ilusão? Não...



Cerimónia de Entrega de Prémios - Quadro de Honra - 2014/2015

No dia 8 de abril de 2016 o agrupamento D. Luís de Ataíde premiou todos aqueles que de uma forma ou outra se destacaram no ano letivo anterior.

Premiamos o trabalho, as qualidades, as virtudes e a dedicação. Premiamos alunos, professores, funcionários e encarregados de educação.

Quando nos destacamos por fazermos o bem ao próximo, queremos ser reconhecidos, desta forma, a direção decidiu tambem hoje, homenagear três instituições de Peniche que se destacam pela constante ajuda ao próximo. Cruz Vermelha, delegação Peniche, Pastoral da  Fraternidade da Paróquia de Peniche e o Centro Social Nova Aliança, com a distribuição das latas de conserva angariadas pelo concurso é preciso ter "Lata".

Um agradecimento especial a todos os presentes e a todos aqueles que colaboraram para que fosse possivel esta memorável noite.

Mais artigos...

Pág. 9 de 22